o bê-á-bá que faz criança chorar

junho 5, 2008 at 7:10 pm 4 comentários

As escolas de hoje estão cada vez mais equipadas, a tecnologia está ao alcance do aluno: aulas de robótica, geometria em 3D e tem até cozinha industrial pra aprender culinária. Mas na hora do vamos ver, ensinar o bê-á-bá, a tia continua abrindo a apostila e soletrando em voz alta o ditado: EEEEEE-LE-LE-LE-FAN-FAN-TE-TE. Posso imaginar o que passa pela cabeça da criança nesta hora. São as mesmas que chegam em casa e assistem desenhos japoneses super velozes, que eu com meus 23 anos, tenho dificuldade em acompanhar.

Está na hora de trocar o chip também da cabeça das tias.

A metodologia das escolas tradicionais não muda há anos. Tem sido muito mais fácil oferecer tecnologia de ponta do que capacitar professores ao avanço da espécie humana.

Na minha escola do futuro eu não imaginei ter tecnologia de ponta com metodologia de quinta.

Anúncios

Entry filed under: Uncategorized.

três sombras favoritas biografia pelo prato do dia

4 Comentários Add your own

  • 1. DDT  |  junho 5, 2008 às 9:32 pm

    Não sei se eu concordo com você.

    Alguns motivos:

    1. Não é de hoje que existe um pensamento acadêmico forte em relação à coisas novas para o ensino. Tem um monte de nome cabeça pra isso, caminhos que se cruzam com a filosofia, a lingüística e por aí vai. Tem muita escola diferente e bacana.

    2. A Carla trabalha numa escola construtivista. Vive pensando em coisas diferentes e legais pra ensinar as coisas mais rudimentares para as crianças.

    Sei lá, não conheço a área. Certamente, a maioria das escolas deve ser em ruim. Mas algumas certamente fazem a diferença.

    Responder
  • 2. cami  |  junho 5, 2008 às 10:26 pm

    Também não estou capacitada pra argumentar sobre meu post. E por isso é bem provável que eu esteja mesmo enganada ou generalizando demais. Tomara!

    Mas antes de jogar minha credibilidade fora acho que o post serve como critica as escolas mais tradicionais.

    Quando eu aprendi a ler sofri com isso, eram muito chatos os ditados e a tv já passava mtv, que era demais. Já naquela época minha vó reclamava que não conseguia acompanhar a velocidade do canal. Acho que veio dai o sentimento de “por favor, olhem mais pelos alunos” e com isso o post.

    Responder
  • 3. enio  |  junho 10, 2008 às 8:12 pm

    Antroposofia neles!

    =ˆD

    Responder
  • 4. Felipe Rollemberg  |  junho 12, 2008 às 1:11 am

    Oi Camilinha,

    Seu blog é muito maneiro. Devemos intensificar o nosso intercâmbio entre esporte e cultura!!! Qq dia manda um post lá pro nosso blog que eu publico. Será ótimo ter uma visão feminina lá.

    Quanto a esse assunto da educação eu concordo com você. A maioria dos colégios não tem condições de oferecer métodos inovadores, para que as crianças aprendam de acordo com os seus interesses. Não se trata de abandonar os métodos já consagrados pela pedagogia, mas os educadores devem estar abertos a novas experiências, que maximizem o aprendizado.

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Agenda

junho 2008
S T Q Q S S D
« maio   jul »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  

Most Recent Posts


%d blogueiros gostam disto: